O feriado intenso da oposição

Esse finados foi intenso para a oposição, não? Será que é por sinonímia? O artigão do FHC, dando um norte, ou, quem sabe, vocalizando um norte de crítica ao governo Lula: agora o Lula é peronista, os sindicatos são um câncer e crescimento apenas não basta, etc. Dois dias depois o Estadão escreve um editorial… Continuar lendo O feriado intenso da oposição

Lévi-Strauss e heróis

Ontem inaugurei o blog, logo depois recebi a notícia da morte de Levi-Strauss, que circulou um pouco antes entre os antropólogos (pela manhã) e à tarde pelos jornais brasileiros. entre os amigos de departamento, um sentimento triste, mas a sensação de que, enfim, LS teve uma grande vida, reconhecimento e dignidade até o  fim.Eu fiquei… Continuar lendo Lévi-Strauss e heróis

Sex and the city e o controle fiscal

É uma espécie de esporte antropológico comparar coisas aparentemente incomparáveis. Então, vamos lá, dando seguimento ao hábito. Semana passada, se você não estava fora do país ou não ligou a tv, internet, abriu jornais, etc, fatalmente se deparou com alguma manifestação da ideologia fiscal radical. Reportagens sobre o descontrole nos gastos do governo, sobre como… Continuar lendo Sex and the city e o controle fiscal

Porquê a mão sem um dedo?

Neste final de semana (01/11/2009) o Estadão e o Globo publicaram um artigo do FHC. O assunto do artigo, sinceramente, não interessa, como tudo que vem do FHC. Quem quiser saber algo, procure os blogs do Azenha (vi o mundo) e do nassif. Ou ainda o blog do PHA. O que me interessa é a… Continuar lendo Porquê a mão sem um dedo?

Escrever ou não?

escrever ou não? Para quê? É um começo relutante, não tenho muita coisa a dizer. Mas há uma ou outra coisa que preciso dizer. Então vá lá, temos mais um blog. Completamente aleatório e esporádico. Sem pressa!